Os torcedores não estão nada satisfeitos com a atuação remista na Série C e resolveram bater um papo com os jogadores e comissão técnica após o treino desta sexta-feira (04), no estádio do Souza.

Membros da torcida “Remoçada” resolveram pedir mais “raça” para os jogadores. Ao perceber a movimentação e as cobranças que tiveram mais ênfase sobre o atacante Isac, o técnico Givanildo Oliveira não gostou e foi conversar com um grupo de pelo menos nove pessoas.

Givanildo disse que esse tipo de atitude atrapalhava o ambiente de trabalho. O treinador azulino não demorou ouvindo os torcedores e seguiu com os jogadores para o ônibus que transporta a delegação.


O clima ficou meio tenso, mas sem violência.

A campanha do Remo na Série C até aqui é de duas derrotas e uma vitória. O clube ocupa a oitava colocação do grupo A.

O Leão recebe o Santa Cruz-PE neste sábado (05), no estádio Mangueirão, às 16h

(Com informações de Matheus Miranda/Diário do Pará)

1 COMENTÁRIO

  1. A manifestação da torcida não é contra o treinador e sim contra esse amontoado de jogadores que, de uma hora para outra, resolveram não jogar mais nada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui