Paysandu anunciou através das redes sociais que João Brigatti não é mais o treinador da equipe.

O anúncio foi feito na noite deste domingo (17), após o empate com o Castanhal em 1 a 1 na manhã de hoje.


Conforme é possível ver na postagem feita no Twitter, junto com o ex-técnico, o auxíliar-técnico, Alfredo Montesso, também não faz mais parte do comando do Paysandu.

(DOL)

 

3 COMENTÁRIOS

  1. Só não queremos ver é a cara do DADO cavalcante, e demais treinadores que passaram nestes dois anos no Papão, Marquinhos, gulherme, e o Queixo de Tamanco. Quando era pra contratar o lisca que tava desempregado nãp o fizeram o fernando diniz tbem nao quizeram e troxeram um caminhão de treinadores fajuta. agora os dois estão na serie A. o lisca não servia pro Papão mas serviu para o Vozão, que tirou dorebaixamento da serie B e série A. E o Papão amargou o rebaixamento. Clube sem planejamento é uma merda. Tai o exemplo o Paysandu está parecido clube de periferia perde uma demite o treinador, não vê os atletas que contrataram se tem capacidade de mudar o panorama do jogo. Goleiro até hj não souberam contratar, laterais a mesma coisa. pelo andar da carruagem vai ser igual 2017/18 um fiasco se nao for pra serie D.

  2. É por isso que os nossos time nāo saem do marasmo,basta um tropeço que o técnico nāo presta… É uma vergonha para os nossos dirigentes.tem que dar tempo para que um time se desenvolva.lembre do Givanildo que deixaram ele trabalhar.os dirigentes tem que ver as peças que contratam.
    Obrigado.

  3. Gostaria de saber se o Paysandu está agindo com a divisão de base de futebol. No meu entendimento, enquanto não estiver com essa estrutura funcionando e a contento, não sairá desse marasmo de todo ano formar um time, contratar técnicos, dispensar e no ano seguinte, repetir a mesma toada. Está faltando jogador da base, criado no clube. Além de formar um elenco mais barato, conduz o clube a glórias e, com a posterior negociação de jogadores, gerar lucros financeiros.
    Se lembrarmos, os elencos tanto de Paysandu como do Remo, que deram as maiores glórias no futebol, eram formados com craques crias da casa – craques como: Quarentinha, Oliveira, Charles, Careca, Aldo, Lupercinio, Assis, Mesquita, Aderson, Dico, Edson Cimento, Marinho, China, Belterra, Velber e vários outros. Os ultimos a sairem da base foram Leandro Carvalho e Yago Pikachu. Fora esses, mais ninguem.

Deixe uma resposta para Gilberto Silva Cancelar resposta

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui