Com onze novos atletas contratados, a diretoria do Paysandu, de acordo com informação do presidente Ricardo Gluck Paul, não cogita dar o ciclo de aquisições do clube como encerrado. O dirigente, cuja posse no cargo acontece no dia 7 de janeiro, informou, em conversa com o Bola, que o Papão ainda voltará às compras para tentar fechar com, no mínimo, mais cinco atletas. “Pretendemos contratar 16 jogadores”, informou o presidente, que não revelou se os profissionais agendados pertencem ao mercado local ou de outros centros.

Gluck Paul não fixou um prazo para que o ciclo de aquisições do clube seja encerrado. “Não dá pra se prever isso”, alegou. O presidente não descartou a possibilidade de o Papão seguir contratando com o Estadual em andamento – o início, para os bicolores, acontece no dia 23, em jogo contra o São Francisco, na Curuzu. “Pode ser até que a gente ainda tenha de trazer mais alguém durante o campeonato”, disse. Ele descartou a investida em outros jogadores de ataque. “A princípio não temos o interesse em trazer mais jogadores de ataque”, ratificou.


Até aqui, dos onde jogadores contratados, seis são de ataque, com três deles sendo paraenses: Elielton, Paulo Rangel e João Leonardo. Os demais são Vinícius Leite, Caion e Nicolas, sendo que este faz, na verdade, a função de meia-atacante. A tendência é que as sondagens e posteriores contratações sejam em cima de jogadores de defesa e, principalmente, de volantes e meias de ligação.

(Nildo Lima/Diário do Pará)

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui