O Paysandu voltou a decepcionar o torcedor no Campeonato Brasileiro da Série B. Jogando em casa contra o líder da competição, o Juventude-RS, o Papão jogou mal e amargou apenas um empate sem gols, acumulando quatro partidas sem vitórias.

Em um jogo fraco tecnicamente, o clube gaúcho teve mais oportunidades para marcar o gol, principalmente no primeiro tempo, mas esbarrou na falta de pontaria dos atacantes.

Os bicolores agora somam 11 pontos, na décima colocação. Na próxima rodada, o desafio será o Boa Esporte-MG, na terça-feira (20), às 20h30, no Estádio da Curuzu.

O JOGO: O Paysandu fez um primeiro tempo bem abaixo da expectativa que o torcedor tinha para o time contra o Juventude-RS. Cometendo muitos erros, o Papão pouco assustou o adversário e ainda escapou de descer para o intervalo em desvantagem no placar.

Mesmo fora de casa, o Juventude começou com a marcação adiantada, dificultando a saída de bola do clube alviceleste, que era obrigado a fazer ligação direta com os zagueiros, quase sempre sem sucesso de conectar com os homens de ataque.


O time gaúcho, por sua vez, teve em Tiago Marques a figura mais perigosa. Em um dos contra-ataques, Tiago saiu de frente para o goleiro Emerson, mas a finalização passou caprichosamente para fora.

No lado bicolor, o cruzamento de Bergson encontrou o volante Wesley, que também finalizou raspando a trave, tirando o grito de “Uh” da galera. Foi o melhor momento do Papão, que saiu da primeira etapa sem conseguir mexer no placar.

 No segundo tempo, o início foi de uma partida ainda mais fraca no aspecto técnico. O Juventude, já desinteressado em pressionar no ataque, esperou no campo de defesa um Paysandu sem criatividade, que ficou apostando apenas em “chuveirinho”.

Com o passar do relógio e pressão vinda da arquibancada, Marcelo Chamusca chegou a ter três laterais de origem em campo, além de dois centroavantes, mas a proposta foi pouco eficiente, dando facilidade para os desarmes da defesa do adversário.

No apito final, muita bronca da torcida bicolor, que viu novamente o time não somar os três pontos dentro de casa.

FICHA TÉCNICA:

Paysandu: Emerson; Ayrton, Fernando Lombardi, Perema e Peri; Wesley, Renato Augusto (Lucas Taylor), Hayner (Daniel Amorim) e Diogo Oliveira; Bergson e Marcão (Jean)

Juventude: Matheus; Vinicius, Domingues, Ruan e Maurício; Diego Felipe (Wanderson), Lucas, Leílson e Juninho; Ramon (Wallacer) e Tiago Marques (Caprini)

Estádio: Mangueirão, Belém (PA)

Hora: 16h30

Árbitro: Marielson Alves Silva

Auxiliares: Marcos Amorim e José Carlos dos Santos

(DOL)

2 COMENTÁRIOS

  1. o q esperar de uma porcaria dessa, mucura fedida, babaca, otária, essa imundice tem q cair e nunca mais voltar kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui