Os meio-campistas Fernandinho e Philippe Coutinho serão companheiros na Seleção Brasileira durante a disputa da Copa América. Após divulgar a lista na manhã desta sexta-feira, o técnico Tite afagou o atleta do Manchester City e tratou de valorizar o jogador do Barcelona.

Marcado pelas eliminações da Seleção Brasileira nas edições de 2014 e 2018 da Copa do Mundo, Fernandinho chegou a pedir para não ser mais convocado para defender o time nacional. Protagonista de uma temporada de sucesso na Inglaterra, ele mudou de ideia.

“É o mesmo Fernandinho que fez o gol do título (mundial) sub-20. É um cara muito transparente, que sabe da expectativa, da responsabilidade e do seu futebol. É bom estar na Seleção Brasileira e representar nosso país. Tem o risco de crítica e elogio, mas isso é da vida. Ele está suficientemente maduro para isso”, afirmou Tite.


Já Philippe Coutinho, um dos principais jogadores do Brasil na Copa do Mundo, caiu de rendimento pelo Barcelona desde então e vem recebendo críticas da torcida catalã. Aos olhos do técnico Tite, no entanto, o ex-jogador do Vasco da Gama segue com o moral alto.

“Qual é o Coutinho que queremos: o do Barcelona ou o da Seleção?”, perguntou Tite. “Ele foi decisivo contra a Argentina no Mineirão. Lembram? Em Porto Alegre, contra o Paraguai, também. Marcou o primeiro gol da Copa. É esse o Coutinho que queremos, porque joga muito”, completou.

A Seleção Brasileira integra o Grupo A da Copa América ao lado de Bolívia, Peru e Venezuela. Em seu primeiro compromisso, programado para as 21h30 (de Brasília) do dia 14 de junho (sexta-feira), a equipe dirigida por Tite enfrenta a Bolívia, no Estádio do Morumbi.

Fonte: Gazeta Esportiva

 

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui